11 agosto 2013

Cinco táticas infalíveis para se livrar do ex


Ele não larga do seu pé mas você não quer mais nada? Seja firme nas atitudes e dê um basta na situação



Terminar um relacionamento nunca é fácil, mas tem gente que torna a vida do ex-parceiro um inferno. O problema é que é bem comum o cara não se conformar com o término da relação. “Se ele não aceita o fim, vai tentar reatar e isso pode virar uma obsessão”. “E o pior é que ele conhece sua rotina e até sua família, e pode se beneficiar, disso para conseguir o que quer”. Se está certa da sua decisão, suma da vida dele, pelo menos até a fase chiclete passar.

Ligações, torpedos e e-mails

Ele pede perdão até pelo que não fez e ainda finge que vocês ainda estão juntos. Faz isso pelo celular, Facebook, pessoalmente...  para acabar com a insistência sem fim, explique a situação de novo. Depois, diga que ele deve seguir em frente e que não irá mais atende-lo. E faça exatamente isso. “Nada de encontros, cafezinhos, conversinhas, torpedos e nem de aceitar presentes. Você não pode ceder, senão vai dar esperanças para ele”. E, se for o caso, vale bloquear o ex no Facebook sem dó.

Amigos no meio do caminho

Nem pensar em perder o contato com a galera por causa dele, só que é bom evitar, pelo menos por um tempo, sair com a turma se o ex estiver junto. “Agora, no aniversário daquela amigona em comum vale abrir uma exceção. Apenas cumprimente-o sem dar muita trela”. E, se der problema, peça desculpas à amiga e vá embora da festa.

Cenas públicas de ciúmes

Vocês se encontram na balada e ele pergunta quem é o cara que está com você ou diz “ela é minha” para qualquer um que se aproxime. O que fazer com esse ciumento de plantão? “O melhor é deixá-lo falando sozinho, porque discutir pode levá-lo a pensar que você ainda se importa”. Evite os barracos e converse com seu novo parceiro sobre as provocações. Ah, dar aquele beijão no novo gato bem na frente do ex já é sacanagem, né?

Apelar para a família é demais!

O ex era o queridinho da sua mãe e se aproveita disso para viver na sua casa. Não dá para proibir a amizade, mas diga a todo mundo da família que o rapaz não desencanou e que você não quer que ele saiba da sua vida. E, se a família dele a procurar, esclareça que o término é o melhor para vocês dois e que ele precisa superar e seguir em frente.

Perseguição até no trabalho?

Se o ex ligar no seu trabalho, atenda uma vez e peça para ele não ligar mais. Se o cara aparecer por lá ou insistir em ligar, avise os colegas e o chefe sobre a situação. Outra dica é mandar um e-mail para ele, dizendo que esse comportamento atrapalha seu trabalho. Você pode usar esse e-mail como prova caso ache que seu emprego corre riscos e precise procurar um advogado contra o ex.

2 comentários: